Os especialistas estão
sempre a aprender

Sobre os HMOs – Os Oligossacáridos do Leite Humano

O que são os HMOs?

Os HMOs, ou Oligossacáridos do Leite Humano, são o terceiro componente em maior quantidade no leite materno, depois da lactose e dos lípidos.
Apesar de existirem milhares de estruturas químicas destes oligossacáridos no leite materno, a verdade é que apenas foram identificados cerca 100 tipos diferentes de HMOs. Originalmente identificados como o “fator bifidus” do leite humano, os HMOs têm um efeito bifidogénico e prebiótico (isto é, estimulam o crescimento de bactérias boas para o organismo), entre muitos outros.

Quais são os Benefícios dos HMOs?

Os Oligossacáridos do Leite Humano têm vários benefícios.
Um deles é a sua capacidade para atuarem enquanto agentes químicos, capazes de ajudarem a prosperar bactérias benéficas. É dessa forma que promovem uma comunidade de microrganismos – ou microbiota – mais equilibrada.

Os Principais Benefícios dos HMOs

São Prebióticos – Os HMOs funcionam como prebióticos que seletivamente favorecem o crescimento de probióticos, microrganismos que oferecem benefícios para a saúde, nomeadamente ao nível intestinal.

Oferecem Proteção – Os HMOs funcionam como inibidores da adesão microbiana à parede do intestino, protegendo a superfície intestinal de organismos patogénicos – organismos que causam doenças.

Atuam à Defesa – Os HMOs ligam-se a células do intestino e dificultam a ligação de organismos indesejáveis à superfície dessas células.

Fortalecem o Sistema Imunitário – Os HMOs funcionam como imunomoduladores, ou seja, ajudam na resposta imunitária e na prevenção de infeções.

© ALTER, SA NUTRIBEN®
© ALTER, SA NUTRIBEN®